ANFAMEC EXPO 2018: Sucesso Total

ANFAMEC EXPO 2018 – Três dias intensos com muitos negócios e troca de informações.

ANFAMEC EXPO 2018 – Três dias intensos com muitos negócios e troca de informações.

Presença maciça de nossos "Hermanos". Grupo de Ceramistas bolivianos.

Presença maciça de nossos “Hermanos”. Grupo de Ceramistas bolivianos.

A ANFAMEC EXPO 2018 foi um SUCESSO TOTAL, apesar das dificuldades dos últimos anos que o país vem passando que afetou enormemente a Indústria da Construção Civil. O Evento serviu como importante sinalizador da retomada da Indústria de Cerâmica Vermelha, quando tivemos a presença de mais de 1.300 empresários e técnicos fazendo negócios e discutindo temas relevantes para o Setor. Tivemos presença expressiva de empresários de países da América Latina, somando mais de 120 ceramistas da Bolívia, Paraguai, Peru, Colômbia, Chile e Argentina. Destacamos também o alto nível da PROGRAMAÇÃO TÉCNICA e dos debates que se sucederam.

Foi gratificante entrar no Pavilhão e ver o setor pulsando, estandes cheios, as pessoas muito felizes de estarem participando da MAIOR FEIRA DE NEGÓCIOS DA AMÉRICA LATINA voltada para a INDÚSTRIA DE CERÂMICA VERMELHA – ICV.

Veja apenas uma pequena mostra do que foi a ANFAMEC EXPO 2018.

Cerimônia de Abertura. Na mesa da esquerda para a direita, Geraldo Gonçalves Jr. Secretário de Cultura de Itu que levou, junto com a ACERVIR, a exposição “Taipa, tijolos e Telhas, Cláudio Conz, presidente da ANAMACO, Natel Moraes, Presidente da ANICER e Maurício Henriques, representando o INT.

O Sr. Cláudio Conz, Presidente da ANAMACO (Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção) e do IBSTH (Instituto Brasileiro de Serviços e Terceirização na Construção e na Habitação), proferiu a Palestra Magma com o tema “Retomada da Economia e o Setor da Construção Civil”, passando muito otimismo para todos.

A Programação Técnica foi de altíssimo Nível, com salas cheias em todas as apresentações. A foto acima com Professor da UENF Dr. Calos Maurício Fontes Vieira transmitindo seus conhecimentos sobre Pavimentos Cerâmicos (Adoquins), é uma pequena amostra do que foi o evento.

Os assuntos abordados nos Painéis e Arenas do Conhecimento foram escolhidos de forma a refletir o momento que passamos, quando forma abordados aspectos técnicos e comerciais pertinentes à Indústria de Cerâmica Vermelha – ICV. Dentro do Painel “Uso Eficiente da Energia”, foram abordados temas como fornos e secadores de alta eficiência e a apresentação do PEFAT (Plano Econômico Financeiro de Alternativas Tecnológicas), que simula o retorno financeiro de várias opções para melhoramento tecnológico das cerâmicas. Outros temas que aguçaram bastante o interesse dos ceramistas foi o “Mercado Livre de Energia” e a “Viabilidade do Uso de Energia Fotovoltaica”. Outros assuntos importantes e de grande interesse foram “A Indústria 4.0” e a “Impressão 3D para Cerâmicas”. Todas as apresentações contaram com público excelente mostrando o interesse latente na melhoria e aplicação de novos recursos e tecnologia nas ICVs.

Outro ponto alto da programação técnica com o ceramista Sandro Roberto Silveira, Diretor da ANICER e Presidente da ACERVIR, passando sua experiência e conhecimento na área de normalização e Padronização dos produtos da Indústria de Cerâmica Vermelha.

Mais uma vez Campinas no interior de São Paulo se mostrou um local favorável para a realização do evento promovido pela ANFAMEC. Além de bem servida de aeroporto (Viracopos) Campinas conta com o Expo Dom Pedro, onde a feira foi realizada, que fica ao lado do Shopping Dom Pedro, facilitando o acesso a gastronomia e lazer para os ceramistas que trouxeram as famílias para o evento. A vasta rede hoteleira já é conhecida e aprovada pelos participantes do evento.

Tanto Campinas como outras cidades da região têm condições de receber o próximo evento da ANFAMEC ainda sem data certa, mas já definido para acontecer. Essa região abriga vários fabricantes de máquinas, facilitando ao ceramista uma visita ao ser fornecedor preferido.

Além de congregar os fabricantes de máquinas e equipamentos, a ANFAMEC, por meio da sua feira bianual de negócios e da promoção de Arenas do Conhecimento e Painéis para a discussão de temas relevantes para a INDÚSTRIA DE Cerâmica Vermelha – ICV, vem exercendo papel agregador e de interface com os empresários e técnicos ceramistas, bem como com os consultores e provedores independentes de tecnologia e técnicas de processos para a ICV. Cada vez mais os fornecedores entendem a vocação da ANFAMEC e se associam. Dessa vez foram quase 50 expositores, mais da metade associados à ANFAMEC.

Declarações de expositores mostram a surpresa positiva que todos tiveram com a feira, desde a organização até o volume de visitas e negócios, Agnaldo Cezar Bertan, diretor comercial da empresa NATREB de Santa Catarina disse ” a feira realmente surpreendeu em todos os sentidos e na qualidade dos visitantes e dos expositores”. Amauri Gelenski foi enfático ao afirmar que foi a melhor feira que participou em termos de negócios gerados. Jamil Duailibi Fh., proprietário da WD-DuraCer, Presidente da ANFAMEC e a frente da equipe responsável pela realização do evento, declarou que a Feira superou e muito as expectativas: “Emocionante ver os estandes cheios e as pessoas felizes, interagindo, trocando experiencias e fazendo negócios. Arenas e Painéis cheios de pessoas interessadas e esperançosas com o setor. A ANFAMEC EXPO 2018 FOI UM MARCO NA RETOMADA DO CRESCIMENTO DA ICV, afirmou”. Depoimentos de dezenas de expositores sempre no mesmo sentido de parabenizar a ANFAMEC pela realização e agradecer a excelente oportunidade de interagir com seus clientes.

Outro fato que marcou esse evento foi a massiva presença de ceramistas da América do sul como bolivianos, paraguaios, peruanos, colombianos e argentinos que foram responsáveis por aproximadamente 10% dos visitantes da feira. Esses países veem o Brasil como porto seguro em tecnologia e modernidade na Segmento de Cerâmica Vermelha e aproveitam o bom momento de suas respectivas economias para virem às compras.

A Impressoras para Cerâmica DuraPrinter, apresentada pela WD Equipamento, fazendo sucesso! Muitos ceramistas interessados em fabricar nelas Cobogós com geometrias impossíveis de se obter por extrusão. Inclusive a impressão 3D para cerâmicas foi uma das apresentações bastante concorridas do evento.

Também tivemos cultura: Exposição “Taipa, Tijolos e Telhas – O barro que o povo de Itu usou para construir sua cidade”- Patrocinada pela Prefeitura de Itu e pela ACERVIR (Associação das Cerâmicas Vermelhas de Itu e Região), presidida pelo empresário ceramista Sandro Roberto Silveira que colaborou em muito para o sucesso do nosso Evento.

Um momento de descontração após um dia árduo, nosso Presidente junto com amigos ceramistas da Paraíba e do Piauí, e com o Edésio Menon, presidente do SINDICER-RJ.

O volume de negócios foi expressivo, considerando o momento em que vivemos. Todos os expositores, sem exceção, avaliaram de forma extremamente positiva a ANFAMEC EXPO 2018, a qual se firma como referência a MAIOR FEIRA DE NEGÓCIOS DA AMERICA LATINA.

Nem bem acabou a ANFAMEC 2018 a entidade já começa a organizar o próximo evento sempre mirando a melhor maneira de fazer seus associados a chegarem o mais próximo possível dos seus parceiros, os ceramistas de todo o Brasil.

 

Comments are closed